You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Crianças e futebol: a iniciação esportiva da Escolinha do São Luiz

Com treinos praticamente diários, a escolinha de futebol do Esporte Clube São Luiz atende, hoje, em torno de 200 crianças e adolescentes com idade entre 7 e 15 anos, nas categorias Fraldinha, Pré-mirim, Mirim e Infantil. A coordenação do trabalho é do professor Adilson dos Reis.

O trabalho de Adilson, na escolinha, começou em 2002 quando foi convidado pelo irmão Luciano Reis para trabalhar junto. Meses depois, Luciano assumiu outros compromissos pessoais e Adilson passou a ser o coordenador do projeto. Com experiência de ter jogado campeonatos estaduais de futebol, futsal e atletismo, ele deu sequência ao trabalho e, à medida que o tempo foi passando, também sentiu necessidade de aprimorar conhecimentos. Foi então que realizou diversos cursos de formação e estágios em clubes como Grêmio e até na Seleção Brasileira, curso de treinador profissional e, neste ano de 2019, deve concluir o curso de Educação Física na Unijuí. Adilson também foi treinador durante 5 anos do Sub-17.

Atualmente, a Escolinha do Esporte Clube São Luiz foca no trabalho de iniciação esportiva. Nas quartas e sextas-feiras pela de manhã treinam as categorias Pré-mirim e Fraldinha, nas terças e quintas é a vez do Sub-15. Já nas quartas e sextas à tarde é a vez da categoria Mirim (alunos que vão em turno inverso da aula). Os treinos são comandados por Adilson do Reis, Rafael Rodrigues e João Rohrig. Com os alunos de faixa etária menor a preparação realizada é no sentido de desenvolver o gosto pela prática esportiva e, por isso, os treinos tem como base os jogos. Já os treinos com as categorias Pré-mirim, Mirim e Infantil dão muito mais ênfase em questões táticas, mecanismo e fundamentos do jogo. O objetivo é de preparar os alunos para competições que a escolinha participa. Conforme Adilson dos Reis, a formação não fica só nisso, acaba envolvendo outras questões formativas tais como o respeito aos colegas, limites ou regras. “O futebol abrange muitas coisas (não só o jogo), a gente sabe que a carreira de jogador é curta, que muitos vão dar certo, outros não. Então, temos que passar outros valores pra eles aqui”, afirma.

Ainda conforme o coordenador é comum pais procurarem a escola para que seus filhos possam praticar uma atividade física. Isso é explicado, em parte, pelo contexto atual no qual as crianças necessitam desenvolver coordenação motora e de socialização. “Hoje em dia as crianças estão dentro de casa, não saem, por questão de perigo também os pais não dão tanta liberdade como se dava antigamente. Quando tu podia sair nos campinhos e passar o dia inteiro jogando futebol e ali desenvolvia coordenação motora. Hoje são crianças que ficam dentro de casa, num apartamento, num pátio fechado, não tem esse contato com a natureza, brincar, subir em árvore, descer, então esse desenvolvimento motor deles está muito limitado”.

Outro grande ganho com a Escolinha do Esporte Clube São Luiz é a socialização porque os alunos convivem entre crianças de vários níveis sociais, aprendem a conviver com o diferente. E, nesse aspecto, a escolinha também abre espaço para crianças carentes e, hoje, atende cerca de 15 alunos oriundos de lares de adoção (muitos por meio de um projeto social que já existe na Associação Atlética Banco do Brasil de Ijuí).

 

A Escolinha Feminina

Tudo começou quando duas meninas traziam os irmãos para treinar e, nesse processo elas passaram a pedir para praticar as atividades também. Numa determinada ocasião faltou jogadores e as meninas foram incluídas no jogo. Acabaram ficando e, logo depois, surgiram vários pedidos para inclusão de meninas na escolinha. A coordenação decidiu então criar a escolinha feminina que hoje atende de cerca de 50 meninas e está prestes a completar 10 anos de atividade em 2020. Conforme Rafael Rodrigues, a escolinha foi criada em 8 de março de 2010 com o objetivo de oportunizar às meninas, entre 8 e 16 anos, a prática esportiva. Também como uma forma de suprir uma demanda, já que a maioria das equipes femininas atendia apenas alunas adultas. Os treinos acontecem sempre aos sábados pela manhã.

Os principais títulos das equipes femininas:

* Copa Dunga Sesc de Futebol 7 – as equipes femininas do Rubro conquistaram 8 vezes esta competição (2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2018).

* Vice-campeonato da Copa Tricolor - organizada pelo Grêmio e disputada em Porto Alegre em 2013.

Anos importantes para a Escolinha Feminina:

* Desde 2011 a Escolinha Feminino do Rubro participa de Jogos Amistosos em Porto Alegre diante das equipes do Internacional e do Grêmio. Em 2014 a Escolinha Feminina do Rubro disputou amistosos em Curitiba, onde teve a oportunidade de enfrentar a equipe do Coritiba.

* 2012: a Atleta com passagem pela Escolinha Feminina do São Luiz, Mônica Böhm, foi convocada para a Seleção Brasileira Sub-17, onde disputou a Copa do Mundo de Futebol Feminino Sub-17, disputada no Azerbaijão.

* 2015: a Escolinha Feminina do Esporte São Luiz consegue realizar parcerias com atletas do Futsal Italiano e Espanhol. Os mesmos ajudam a fomentar esta modalidade em Ijuí e região levando a imagem do Clube Ijuiense para fora do país. No mesmo ano é criado pela Escolinha Feminina do Esporte Clube São Luiz o Festival de Futsal Tainã Santos e Luciléia Minuzzo. O evento foi uma homenagem às atletas Tainã Santos e Luciléia Minuzzo (ambas jogam no Futsal Italiano).

* 2016: a aluna Laura Kettenhuber Gieseler foi aprovada em uma avaliação pela equipe da Associação Pinhalense de Futsal Feminino. No ano seguinte (2017) passou a integrar o elenco Sub-15 da Chapecoense, permanecendo lá por quatro anos. Atualmente Laura Gieseler joga pela equipe do IRANDUBA de Manaus.

* 2017: o Presidente da Lazio da Itália Valério Piercigilli esteve em Ijuí onde conheceu a Escolinha Feminina do Rubro e ainda fez a doação materiais esportivos. A presença do Presidente da Lazio só foi possível graças a atleta Luciléia Minuzzo, que na época jogava na Lazio da Itália.

 

Disputas de campeonatos pelas escolinhas:

A Escolinha do Esporte Clube São Luiz participa de diversos amistosos e campeonatos, entre eles, a Copa Dunga e a Copa Tuparendi (torneio que reúne equipes do Grêmio, Internacional, Chapecoense e Palmeiras). A próxima edição dessa copa acontece entre os dias 12 e 17 de novembro de 2019. Também estão previstos para esse ano a disputa da Copa Paulo Baier (nos dias 26 e 27 de outubro). O objetivo desses momentos é criar situações de visibilidade para que os alunos da escolinha possam serem vistos por clubes maiores que tem trabalhos de formação de atletas. Ao longo de todos esses anos, o projeto já revelou diversos profissionais, entre eles, Fabiano Leismann (com atuação pela Chapecoense, Palmeiras, Cruzeiro, Internacional). O nome mais recente é Ricardo Thalheimer (atual Avaí), zagueiro pelo time profissional do Esporte Clube São Luiz na temporada 2019. Ele esteve no clube entre 2017 e 2019 e também foi campeão da Divisão de Acesso.

Como participar da Escolinha do Esporte Clube São Luiz:

Os interessados devem procurar a secretaria do clube ou o próprio coordenador Adilson. O aluno participa de um treino de experiência para avaliar seu nível de desempenho e depois a família preenche a ficha de inscrição ou cadastro. Os telefones para contato são: 55 3333 - 0287 e 55 9 91390046.

 

Pos
Time
J
V
E
D
S
P:11
Patrocínio